Breaking

Arte Culinária | Receita | Cuscuz Nordestino

 O Cuscuz é uma iguaria tipicamente nordestina e constitui-se de um bolo feito a partir da Farinha de Milho maduro. O povo brasileiro e sua vasta experiência em inovações de receitas, vem ao longo das décadas modificando a forma de fazer e os ingredientes do popular cuscuz nordestino, mas o fato é que a peculiaridade do sabor tradicional deste prato é mantida no Nordeste brasileiro. O modo de fazer é simples e prático, rápido e o resultado muito saboroso. A receita que darei para vocês é do Cuscuz original do Nordeste, assim como ele sempre foi feito e que mamãe ensinou-me a fazer. 


Utensílio a seu utilizado:

  O cuscuz é um prato tão especial que requer uma panela exclusiva para ele. Trata-se do cuscuzeiro que antigamente podia ser de ferro, barro ou mesmo de bronze, mas que hoje utilizamos aqueles fabricados em alumínio. É uma especie de forma que possui um fundo interno removível e com muitos furos por onde passa o vapor que irá cozer a massa. Antes do preparo da massa você deve colocar água no cuscuzeiro até o nível de mais ou menos um dedo antes de chegar no fundo perfurado. Veja abaixo a imagem de um cuscuzeiro:


Ingredientes:

250 gramas de Farinha de Milho
Uma Pitada de Sal
50 Ml de Água

Modo de Preparo:

Coloque a Farinha de Milho em uma panela limpa, acrescente a pitada de sal e em seguida a água. Misture bem com as mãos até que a massa esteja solta e úmida. Caso precise molhar mais, despeje a água aos poucos. O segredo de um bom cuscuz é o ponto da massa, que não deve estar seca ou muito molhada, mas na umidade correta. Obtido o ponto você deve adicionar a massa ao cuscuzeiro que já deve estar com a água com nível de um dedo abaixo da grade perfurada. Coloque a massa com as mãos sem apertar. Deixe-a cair soltinha na grade e vá arrumando com os dedos para que fique bem nivelada. Lembre-se: Não aperte a massa. Use sempre as mãos. Tampe o cuscuzeiro e leve ao fogo. O tempo de cozimento é de aproximadamente 15 minutos, logicamente dependendo da temperatura. Evite usar a boca maior do seu fogão, pois a temperatura será também mais alta e você poderá perder o ponto de cozimento.

Após o cozimento, aguarde que o cuscuz esfrie um pouco antes de desenformá-lo. O resfriamento leva pouco tempo e o vapor fará com que a massa que está presa nas laterais solte-se, assim você desenforma o cuscuz de forma mais fácil e ele fica mais bonito, inteirinho como na imagem. Desenforme e ponha em um prato onde você poderá servir em fatias  ainda quentes, assim a manteiga que acompanha sempre o prato, deverá derreter, ampliando o sabor da iguaria.  O Cuscuz pode ser acompanhado por leite, carnes, queijos, manteiga, enfim cada um tem sua preferência de acompanhamento. Lembrando que o cuscuz original do Nordeste é feito sem que haja acompanhamentos na massa. Ela é composta apenas por Farinha de Milho, Água e Sal. 

............................................................................................................................................

  Brazilian Food

  Cooking | Recipe | couscous Nordestino

  Couscous is a typically Northeastern delicacy and consists of a cake made from the Mature Corn Flour. The Brazilian people and their vast experience in innovations of recipes, over the decades have modified the way of making and the ingredients of the popular couscous of the Northeast, but the fact is that the peculiarity of the traditional flavor of this dish is maintained in the Northeast of Brazil. The way to do it is simple and practical, fast and the result very tasty. The recipe I will give you is from the original Couscous of the Northeast, just as it was always made and what Mother taught me to do.


Used utensil:

  Couscous is such a special dish that it requires a pot that is unique to it. It is the couscous that formerly could be iron, clay or even bronze, but today we use those made of aluminum. It is a kind of shape that has a removable internal bottom and with many holes through which the steam that will cook the dough passes. Before preparing the dough you should put water in the couscous to the level of about a finger before reaching the perforated bottom. See below the image of a couscous:



Ingredients:

250 grams of Corn Flour
A bit of salt
50 Ml of Water

Method of preparation:

Put the Corn Flour in a clean pan, add the pinch of salt and then the water. Mix well with your hands until the dough is loose and moist. If you need more water, pour the water slowly. The secret of a good couscous is the point of mass, which should not be dry or very wet, but in the correct humidity. Obtained the point you should add the dough to the couscous which should already be with the level water of a finger below the perforated grid. Put the dough in your hands without squeezing. Let it fall loose on the railing and go with your fingers to be well leveled. Remember: Do not squeeze the dough. Always use your hands. Cover the couscous and bring to the fire. The cooking time is approximately 15 minutes, logically depending on the temperature. Avoid using the larger mouth of your stove because the temperature will also be higher and you may lose the cooking point.

After cooking, allow the couscous to cool slightly before uncorking. The cooling takes a little time and the steam will make the dough that is stuck on the sides loose, so you cuscuz deform easier and it looks more beautiful, whole as in the picture. Unmold and place in a dish where you can serve in still hot slices, so the butter that always accompanies the dish, should melt, increasing the flavor of the delicacy. The couscous can be accompanied by milk, meats, cheeses, butter, in short, each one has a preference for follow-up. Remembering that the original couscous of the Northeast is done without any accompaniments in the mass. It is composed only of Maize Flour, Water and Salt.

...................................................................................................................................................

   Cocinar | Receta | Cuscús Nordestino

  El cuscús es un manjar típico del Noreste y consiste en una torta hecha de la harina de maíz maduro. El pueblo brasileño y su vasta experiencia en innovaciones de ventas, tiene largo de las décadas modificando la manera de hacer y los ingredientes de la popular noreste cuscús, pero el hecho es que la peculiaridad del sabor tradicional de este plato se mantiene en el noreste de Brasil. La forma de hacerlo es simple y práctico, rápido y resultados muy sabrosos. La receta que voy a dar a usted es el original noreste cuscús, como siempre lo ha hecho y que mamá me enseñó a hacer.


Utensilio de su usado:

  El cuscús es un plato especial que requiere un molde único para él. Este es el cuscús que anteriormente podían ser de hierro, arcilla o bronce, pero ahora utilizamos las hechas de aluminio. Es una especie de manera que tiene un fondo interior extraíble y con muchos agujeros por los que el vapor cocinar la pasta. Antes de la preparación de la masa que debe poner el agua en el cuscús al nivel de alrededor de un dedo antes de llegar al fondo perforado. Debajo de la imagen de un cuscús:



ingredientes:

250 gramos de harina de maíz
Una pizca de sal
50 ml de agua

Modo de preparo:

Colocar la harina de maíz en un recipiente limpio, añadir una pizca de sal y luego con agua. Mezclar bien con las manos hasta que la masa esté suelto y húmedo. Si necesita más agua, verter el agua lentamente. El secreto de un buen cuscús es el punto de la masa, que no debe ser demasiado seco o mojado, pero en la humedad adecuada. Conseguido el punto se debe añadir masa a la cuscús que ya debería estar en el nivel de agua de un dedo por la rejilla perforada. Coloque la masa con las manos sin apretar. El descenso que tiene soltinha la red e ir embalaje con los dedos para que sea perfectamente horizontal. Recuerde: No apriete la masa. utilizar siempre las manos. Cubrir el cuscús y cocinar. El tiempo de cocción es de aproximadamente 15 minutos, como es lógico en función de la temperatura. Evitar el uso de la mayor parte de la boca estufa, ya que la temperatura también será mayor y puede perder el punto de cocción.

Después de la cocción, esperar hasta que los cuscús Dejar enfriar un poco antes de que desenformá. El enfriamiento lleva poco tiempo y el vapor de agua hará que la masa que se ha quedado atascado en los laterales dejar ir, por lo que desenforma la forma más fácil de cuscús y es más hermosa, al igual que en toda la maldita foto. Sacar de la sartén y colocar en un plato donde se puede servir todavía rebanadas calientes, mantequilla de modo que siempre acompaña el plato debe derretirse, lo que aumenta el sabor del plato. El cuscús puede ir acompañada de la leche, carne, queso, mantequilla, finalmente cada uno tiene su preferencia de acompañamiento. Recordando que en el noreste cuscús original se hace sin acompañamientos en masa. Se compone únicamente de harina de maíz, agua y sal.


Seguidores do Google

Matéria de Hoje

Crônica | Como Assim Brasil?

  Viver no Brasil é fácil,  o País é lindo, povo alegre apesar dos motivos para tristeza, muitas praias, sol, enfim é o lugar, mas difí...

Outras Páginas do Autor

Quem sou eu

Minha foto

Tony Casanova, brasileiro, natural de Salvador-BA, escreve desde 1976 e é fundador e administrador do Projeto Roda Cultural, instituição virtual de apoio ás Artes e Artistas em geral. Autor dos E-books "Panorama da Artes", "No Litoral das Relações" , "Relações Instáveis", "O Amor Fala Francês", "O amor segundo a Bíblia", este último inspirado em uma matéria sua publicada no blog Mesa Farta e que teve mais de 10.000 leitores. O escritor Tony Casanova escreve em vários estilos, tendo herdado suas técnicas a partir de leituras feitas a partir de grandes vultos da literatura brasileira, entre os quais estão Castro Alves, Rui Barbosa, Cora Coralina, Érico Veríssimo, Carlos Drummond de Andrade e outros. Gosta do estilo lírico e tem forte inclinação a esta técnica. O autor tem várias publicações em suas páginas da internet. Entre os gêneros literários que escreve estão a Crônica, Poesia, Poema, Ficção e Romance.