Breaking

Blogueiro | Responsabilidade, Moral e Ética.

  Quando os primeiros blogs começaram a surgir no Brasil eram considerados coisas de meninas, algo do tipo diário de adolescentes e por isso poucos se aventuravam a utilizar as páginas de Blogs, ainda que fossem gratuitas. Muitas pessoas até riam quando se falava em blog porque não sabiam o que eram e se alguém dizia que tinha uma página na internet e era um blog, tornava-se alvo de risos. Somente sites eram consideradas páginas de internet. Com a expansão e a popularização dos blogs e o aumento de usuários nas redes sociais, até os famosos classificam seus sites de blogs e as grandes emissoras, que até então tinham ojeriza de internet e internautas, passaram a criar espaço jornalístico e de entretenimento afim de recuperar a audiência perdida.  Veio a onda do Stand Up Comedy e os humoristas, antes somente vistos nos programas de televisão, passaram a ter seus próprios programas no Youtube. Hoje todos querem o título de blogueiros, Youtuber, Internautas.  

   Há espaço para todos na grande rede mundial de computadores e tudo isto aqueceu negócios que são extremamente lucrativos para muitos, mas trouxe algo muito desagradável; A falta de ética demonstrada por blogueiros que munidos de suas páginas e embasados no Direito á Liberdade de Expressão, esquecem que na questão de Direitos, sempre haverá limites estabelecidos e que são exatamente os Direitos do outro. Fato comum é um blogueiro utilizar seu Direito de Opinião e promover postagens expondo pessoas públicas, anônimas ou fatos veiculados por terceiros deixando em sua postagem a opinião sobre o exposto. É um Direito? Sim, claro. Indubitavelmente é um Direito dar a opinião, mas este Direito se limita ao Direito do outro.

   Quando a opinião é dada de forma sensata e coerente ela é válida, mas é preciso cuidado com aquilo que se veicula. A questão da ética dos blogueiros é algo polêmico, afinal sempre existem aqueles que querem o Direito de dizerem o que quiserem sobre qualquer assunto ou qualquer pessoa, mas não é bem assim que as coisas devem ser. Ética é algo muito sério e distingue o ser humano bom do ruim. É muito fácil fazer críticas, estabelecer conceitos e criar julgamentos, difícil é ter bom senso no que faz. A ética consiste no exame da própria atitude, independente dos interesses financeiros envolvidos, mas visando aquilo que é prioritário no benefício do leitor, cliente, eleitor ou qualquer outra classe. Um indivíduo que não possui princípios jamais pode ser ético e nunca terá a moral necessária para o exercício de qualquer função. 

   Blogueiros ou cidadãos, nós somos responsáveis pelos nossos atos e responderemos por suas consequências. Não devemos fazer observância do Direito como algo unilateral, mas coletivo. Todos possuem seus Direitos, não apenas os que escrevem, mas também os que leem e principalmente aqueles que são expostos no conteúdo da postagem.  Eu, particularmente nunca defendi, nem defenderei nenhum tipo de censura imposta para limitar o acesso á verdade dos fatos ou preservar quem quer que seja das consequências dos próprios atos praticados, mas em contrapartida não apoio, em hipótese alguma a exploração midiática desqualificada promovida por leigos apenas no intuito de promoção pessoal.

   A responsabilidade, a moral e a ética se resumem ao respeito devido ao leitor e ao personagem exposto no conteúdo, senão estaremos nos tornando semelhantes ou pior do que a imprensa que sempre acusamos de distorcer e ocultar fatos, beneficiar este ou aquele ou mesmo privilegiar a que lhe for interessante.  Se você é blogueiro ou blogueira e gostaria de opinar sobre este texto, deixe seu comentário com a sua opinião, mesmo aqueles que não são brasileiros podem opinar, seu comentário é muito importante. Obrigado.



Texto do Escritor e Autor Tony Casanova. Todos os Direitos Reservados e garantidos pelas Leis Nacionais e Internacionais de Proteção aos Direitos de Propriedade Intelectual. Proibida a cópia, colagem, reprodução ou divulgação de qualquer natureza, do todo ou parte dele, independente dos meios ou fins. A violação destes Direitos constitui-se crime e está passiva das punições legais cabíveis. 


Saiba mais do autor NESTE LINK

.............................................................................................................



    
Blogger | Responsibility, Morality and Ethics.

   When the first blogs started appearing in Brazil they were considered girls' things, something of the daily type of adolescents and so few ventured to use the pages of Blogs, even if they were free. Many people even laughed when they talked about blogging because they did not know what they were and if someone said they had a web page and it was a blog, it became a laughing stock. Only websites were considered web pages. With the expansion and popularization of blogs and the increase of users in social networks, even the celebrities classify their blog sites and the big broadcasters, which had until then had Internet and Internet users, began to create journalistic and entertainment space in order to Recover the lost audience. Then came the wave of Stand Up Comedy and the comedians, before only seen in the television programs, started to have their own programs in Youtube. Today everyone wants the title of bloggers, Youtuber, Internautas.

  There is room for everyone in the great world wide computer network and all this has warmed up businesses that are extremely profitable for many, but brought something very unpleasant; The lack of ethics demonstrated by bloggers with their pages and based on the Right to Freedom of Expression, forget that in the issue of Rights, there will always be limits set and that are exactly the Rights of the other. It is common for a blogger to use his or her Right of Opinion and to promote posts by exposing public, anonymous or third parties by posting their opinion on the above. Is it a right? Yes of course. Undoubtedly it is a Right to give the opinion, but this Right is limited to the Right of the other.

   When opinion is given sensibly and coherently, it is valid, but care must be taken with what is conveyed. The question of the ethics of bloggers is controversial, after all there are always those who want the right to say what they want on any subject or anyone, but that's not quite the way things should be. Ethics is something very serious and distinguishes good from bad. It is very easy to criticize, establish concepts and create judgments, it is difficult to have common sense in what you do. Ethics consists in examining one's own attitude, independent of the financial interests involved, but aiming at what is a priority for the benefit of the reader, client, voter, or any other class. An individual who has no principles can never be ethical and will never have the morale to perform any function.
  Bloggers or citizens, we are responsible for our actions and we will respond for their consequences. We should not observe the law as something unilateral, but collective. Everyone has their Rights, not just those who write, but also those who read and especially those who are exposed in the content of the post. I, in particular, have never defended or defended any type of censorship imposed to limit access to the truth of the facts or to preserve anyone from the consequences of their own acts, but on the other hand I do not support, in any case, the disqualified media exploitation promoted by laymen Only for the purpose of personal promotion.

   Responsibility, morality and ethics are all about respect for the reader and the character exposed in the content, otherwise we will become similar or worse than the press we always accuse of distorting and concealing facts, benefiting this or that or even privileging the Interesting to you. If you are a blogger or a blogger and you would like to comment on this text, let your comment with the opinion, even those who are not Brazilian, can give your opinion, your comment is very important. Thank you.

Writer Text and Author Tony Casanova. All Rights Reserved and guaranteed by the National and International Laws for the Protection of Intellectual Property Rights. No part of it may be copied, collated, reproduced or disseminated, regardless of its means or purpose. The violation of these Rights constitutes a crime and is passive of the applicable legal punishments.

Learn more about the author IN THIS LINK

.................................................. ..................................................



     
Blogueiro | La responsabilidad, la moral y la ética.


   Cuando los primeros blogs comenzaron a emerger en Brasil fueron considerados cosas de chicas, algo bueno todos los días de los adolescentes y tan pocos se han aventurado a utilizar las páginas de blogs, incluso si fueran libres. Mucha gente incluso se rió cuando se trataba de un blog porque no sabían lo que eran y si alguien dijo que tenía un sitio web y un blog fue, se convirtió en reído. Sólo los sitios se consideraron páginas web. Con la expansión y popularización de los blogs y el aumento de usuarios en las redes sociales, a la famosa clasificar sus sitios de blogs y grandes estaciones, que hasta entonces tenía aversión a internet y los internautas comenzaron a crear un espacio periodístico y de ocio con el fin de recuperar la audiencia perdida. Llegó la ola de Stand Up Comedy y cómicos, que antes sólo visto en la televisión, ahora tienen sus propios programas en Youtube. Hoy en día todo el mundo quiere el título de bloggers, Youtuber, los internautas.

   Hay espacio para todos en el gran World Wide Web y todo esto con calefacción negocios son extremadamente rentable para muchos, pero trajo algo muy desagradable; La falta de ética demostradas por los bloggers que designaron con sus páginas y basado en el derecho a la libertad de expresión, hay que olvidar que la cuestión de los derechos, no siempre será establecido límites y cuáles son exactamente los derechos de la otra. hecho común es un blogger usando su visión de la ley y la promoción de los cargos públicos que exponen las personas, anónima o hechos transmitidos por los demás dejando su cargo la revisión de los anteriores. Es una ley? Si claro. Sin lugar a dudas es un derecho de opinión, pero este derecho se limita a la derecha de la otra.

   Cuando el dictamen se comunique con sensatez y consistentemente es válida, pero se ocupa de lo que es transmite. La cuestión de la ética de los bloggers es algo controvertido, después de todo, siempre hay los que quieren el derecho a decir lo que se quiera sobre cualquier tema o cualquier persona, pero no es la manera que debe ser. La ética es algo muy serio y distingue al ser humano bueno de lo malo. Es muy fácil criticar, para establecer conceptos y crear juicios, es difícil usar el sentido común en lo que haces. La ética es el examen de la actitud propia de uno, sin tener en cuenta los intereses económicos en juego, pero lo que buscan es una prioridad en beneficio del lector, al cliente, votante o cualquier otra clase. Un individuo que no tiene principio nunca puede ser ético y nunca tendrá la necesaria moral para el ejercicio de cualquier función.

   Bloggers o los ciudadanos, que son los responsables de nuestras acciones y responder por sus consecuencias. No debemos hacer que el cumplimiento de la ley como algo unilateral, sino colectivo. Todos tienen sus derechos, no sólo escribir, sino también aquellos que leen y especialmente a los que están expuestas al contenido del post. Yo personalmente nunca defendí o defender cualquier tipo de censura para limitar el acceso a la verdad de los hechos o conservar cualquier persona de las consecuencias de sus propios actos llevados a cabo, pero por otra parte no son compatibles en modo alguno la explotación de medios descalificado promovido por laico sólo en los fines de promoción personal.

   La responsabilidad, la moral y la ética se reducen a respetar para el lector y el personaje que aparece en el contenido, sino que van a realizar similar o peor que la prensa nunca lo acusan de distorsionar y ocultar hechos, beneficiará a tal o cual o privilegio que es interesante. Si usted es un blogger o blogger y le gustaría decir en este texto, deje su comentario con su opinión, incluso aquellos que no están los brasileños pueden opine, su comentario es muy importante. Gracias.

Escritor de texto y el autor, Tony Casanova. Todos los derechos reservados y garantizados por leyes nacionales y Protección Internacional de los Derechos de Propiedad Intelectual. La copia, el collage, reproducción o divulgación de cualquier tipo, de todos o parte de ella, independientemente de los medios o extremos. La violación de estos derechos constituye un delito y es pasiva de las sanciones legales aplicables.

Más información este autor ENLACE

Seguidores do Google

Matéria de Hoje

Relacionamentos | As Relações e as Redes Sociais.

   A relação poder ser um namoro, um noivado ou mesmo o casamento, mas a base que constitui qualquer relacionamento é a mesma. Relações ...

Outras Páginas do Autor

Quem sou eu

Minha foto

Tony Casanova, brasileiro, natural de Salvador-BA, escreve desde 1976 e é fundador e administrador do Projeto Roda Cultural, instituição virtual de apoio ás Artes e Artistas em geral. Autor dos E-books "Panorama da Artes", "No Litoral das Relações" , "Relações Instáveis", "O Amor Fala Francês", "O amor segundo a Bíblia", este último inspirado em uma matéria sua publicada no blog Mesa Farta e que teve mais de 10.000 leitores. O escritor Tony Casanova escreve em vários estilos, tendo herdado suas técnicas a partir de leituras feitas a partir de grandes vultos da literatura brasileira, entre os quais estão Castro Alves, Rui Barbosa, Cora Coralina, Érico Veríssimo, Carlos Drummond de Andrade e outros. Gosta do estilo lírico e tem forte inclinação a esta técnica. O autor tem várias publicações em suas páginas da internet. Entre os gêneros literários que escreve estão a Crônica, Poesia, Poema, Ficção e Romance.