Breaking

Prosa | Menino do Nordeste.

   Hoje comecei a remoer meu passado e de tanto que havia pensado, a cabeça começou a doer. Lembrei-me de quando eu era pequenino, mal sabia o que era brasileiro, quanto mais ser nordestino. Era apenas uma criança, mais uma de tantas no Brasil que sonhava com brincadeira e alegria não importando se era noite ou era dia. A realidade só me veio depois quando fui ao interior, foi a vida me mostrou que viver na cidade grande era um luxo até mesmo para os pobres. Na capital tudo era muito agitado e mesmo quando parado, não tinha paz para pensar.  Descobri onde a paz havia lá e que enquanto no interior os passarinhos cantarolavam, na capital eram pneus de carros que cantavam e nem precisavam de gaiolas. 
  Mas nem tudo que vi foi bonito. Eu vi algo tenebroso e esquisito. Um chão todo rachado e um rio já falecido. Ali onde os peixes festejavam, agora só a poeira restava, poeira e capim seco. Eu olhava e pensava que tudo iria melhorar, mas os anos se passavam e os rios só secavam e secavam. Aquilo mais parecia castigo e naquele mundão de terra, tudo que vivia nela corria perigo, inclusive as pessoas dali. Tudo era triste e desolador, mas vi o povo trabalhador, lutando contra a seca de todo dia e quando a água da chuva caía era festa no lugar. Os passarinhos a cantarolar, o gado a comer o capim que nascia, mas tudo durava dias e lá vinha seca de novo, mas quem dali não saía era o povo que ali viva, que mesmo no chão rachado, empobrecido e mal tratado, plantava suas sementes.
  Vi no povo nordestino, quando eu ainda era menino, muita dor e sofrimento, mas acima do lamento, vi que sabiam lutar e lutavam. Para cada novo ano que passava, com a seca aumentando, o que brotava era esperança que cultivavam desde criança, desejando uma vida melhor.  E eu senti orgulho deste povo guerreiro e lutador que mesmo sem ter dinheiro, sem riquezas ou patrimônio, tinham fartura de amor. E este povo, por muitos desprezado, somente será amado por quem admira o trabalhador, aqueles que com muita luta conseguem não conseguir nada, mas permanecem na estrada, seguindo seus caminhos na terra que Deus lhes deu com muito sol e pouca chuva, mas com alegria e esperança e quando Deus abençoe que chove, nordestino vira criança e desatrela a cantar.
 
   Texto do Escritor e Autor Tony Casanova. Todos os Direitos Reservados e garantidos pelas Leis Nacionais e Internacionais de Proteção aos Direitos de Propriedade Intelectual. Proibida a cópia, colagem, reprodução ou divulgação de qualquer natureza, do todo ou parte dele, independente dos meios ou fins. A violação destes Direitos constitui-se crime e está passiva das punições legais cabíveis. 
Saiba mais do autor NESTE LINK
............................................................................................................................................... 

    Prose | Boy from the Northeast.

  Today I began to bite my past and from what I had thought, the head began to hurt. I remembered when I was little, hardly knew what was Brazilian, let alone be a Northeastern. It was just a child, one of many in Brazil who dreamed of joking and joy regardless of whether it was night or day. Reality only came to me later when I went inside, it was life that showed me that living in the big city was a luxury even for the poor. In the capital, everything was very hectic and even when stopped, he did not have the peace to think. I discovered where the peace was there and that while in the interior the little birds hummed, in the capital were car tires that sang and did not need cages.
  But not everything I saw was beautiful. I saw something creepy and weird. A cracked ground and a dead river. There where the fish celebrated, now only the dust remained, dust and dry grass. I looked and thought everything would get better, but the years went by and the rivers just dried and dried. It seemed punishment, and in that earthly world, everything that lived in her was in danger, including the people there. Everything was sad and desolate, but I saw the working people, fighting against the drought of every day and when the rainwater fell it was party in the place. The little birds crowing, the cattle eating the grass that was born, but everything lasted for days, and then it was dry again, but those who did not go out were the people living there, that even on the cracked, impoverished and ill-treated soil, Seeds.
  I saw in the Northeastern people, when I was still a boy, a lot of pain and suffering, but above the regret I saw that they knew how to fight and fight. For each new year that passed, with drought increasing, what sprung up was hope they had cultivated since childhood, wishing for a better life. And I felt proud of this warrior and fighter people who, even without having money, without wealth or heritage, had plenty of love. And this people, despised by many, will only be loved by those who admire the worker, those who struggle hard to achieve nothing, but remain on the road, following their ways in the land God gave them with much sun and little rain, but with Joy and hope and when God bless it rains, the Northeast will become a child and unleash her singing.
  
   Writer Text and Author Tony Casanova. All Rights Reserved and guaranteed by the National and International Laws for the Protection of Intellectual Property Rights. No part of it may be copied, collated, reproduced or disseminated, regardless of the means or purpose. The violation of these Rights constitutes a crime and is passive of the applicable legal punishments.
Learn more about the author IN THIS LINK
.................................................. .................................................. ...........................................

   Prosa | Niño del Nordeste.

  Hoy empecé a quitar mi pasado y de tanto que había pensado, la cabeza empezó a doler. Me acordé de cuando yo era pequeñito, apenas sabía lo que era brasileño, cuanto más ser nordestino. Era sólo un niño, una de tantas en Brasil que soñaba con broma y alegría sin importar si era noche o era día. La realidad sólo me vino después cuando fui al interior, fue la vida me mostró que vivir en la ciudad grande era un lujo incluso para los pobres. En la capital todo estaba muy agitado e incluso cuando estaba parado, no tenía paz para pensar. Descubrí donde la paz había allí y que mientras en el interior los pájaros cantaban, en la capital eran neumáticos de coches que cantaban y ni necesitaban jaulas.
  Pero no todo lo que vi fue hermoso. He visto algo tenebroso y raro. Un suelo todo agrietado y un río ya fallecido. Allí donde los peces festejaban, ahora sólo el polvo quedaba, el polvo y el pasto seco. Yo miraba y pensaba que todo iba a mejorar, pero los años pasaban y los ríos sólo se secan y se secan. Aquello más parecía castigo y en aquel mundano de tierra, todo lo que vivía en ella corría peligro, incluso las personas de allí. Todo era triste y desolador, pero vi al pueblo trabajador, luchando contra la sequía de cada día y cuando el agua de la lluvia caía era fiesta en el lugar. Los pájaros a cantarolar, el ganado a comer el pasto que nacía, pero todo duró días y allí venía seca de nuevo, pero quien de allí no salía era el pueblo que allí viva, que incluso en el suelo agrietado, empobrecido y mal tratado, plantaba sus Semillas.
  Vi en el pueblo nordestino, cuando yo todavía era niño, mucho dolor y sufrimiento, pero por encima del lamento, vi que sabían luchar y luchaban. Para cada nuevo año que pasaba, con la sequía aumentando, lo que brotaba era esperanza que cultivaban desde niño, deseando una vida mejor. Y me sentía orgulloso de este pueblo guerrero y luchador que, sin tener dinero, sin riquezas o patrimonio, tenían abundancia de amor. Y este pueblo, por muchos despreciado, sólo será amado por quien admira al trabajador, aquellos que con mucha lucha logran no conseguir nada, pero permanecen en la carretera, siguiendo sus caminos en la tierra que Dios les dio con mucho sol y poca lluvia, Alegría y esperanza y cuando Dios bendiga que llueve, el nordestino se vuelve niño y desatrela a cantar.
  
   Texto del Escritor y Autor Tony Casanova. Todos los Derechos Reservados y garantizados por las Leyes Nacionales e Internacionales de Protección a los Derechos de Propiedad Intelectual. Prohibida la copia, collage, reproducción o divulgación de cualquier naturaleza, del todo o parte de él, independientemente de los medios o fines. La violación de estos derechos se constituye en delito y está pasiva de las sanciones legales apropiadas.
Más información del autor EN ESTE LINK

Seguidores do Google

Quem sou eu

Minha foto

Tony Casanova, brasileiro, natural de Salvador-BA, escreve desde 1976 e é fundador e administrador do Projeto Roda Cultural, instituição virtual de apoio ás Artes e Artistas em geral. Autor dos E-books "Panorama da Artes", "No Litoral das Relações" , "Relações Instáveis", "O Amor Fala Francês", "O amor segundo a Bíblia", este último inspirado em uma matéria sua publicada no blog Mesa Farta e que teve mais de 10.000 leitores. O escritor Tony Casanova escreve em vários estilos, tendo herdado suas técnicas a partir de leituras feitas a partir de grandes vultos da literatura brasileira, entre os quais estão Castro Alves, Rui Barbosa, Cora Coralina, Érico Veríssimo, Carlos Drummond de Andrade e outros. Gosta do estilo lírico e tem forte inclinação a esta técnica. O autor tem várias publicações em suas páginas da internet. Entre os gêneros literários que escreve estão a Crônica, Poesia, Poema, Ficção e Romance.

Busque por Tag

# Mulher #103FM #2016 #2017 #8DeMarço #Acidente #Acordeon #Admiração #Adolecentes #Adolescentes #Adversidades #Afogamento #África #Agressão #Aguiar #Ajuda #Alegria #Alimentação #Alimentos #Alma #Amar #Amarela #Amarguras #América #Americano #Amigas #amigos #amizade #Amor #Análise #Android #Angel #Aniversário #Anonimato #Antigos #Antivírus #Apartheid #Aplicativo #Apocalipse #Apoio #App #Aracaju #Arantes #Arte #Artes #Artista #Artistas #Assalto #Assaltos #Assédio #Astros #Atitudes #Atividades #Ator #Ator #José Mayer #Atores #Atriz #Atrizes #Aumentar #Aurea #AutoAjuda #Autoconfiança #Autoestima #Avião #Aviso #Baixa #Base #BBB17 #Beans #Bebida #BeerHouse #Bem #Benção #Benefícios #Bíblia #BigBrother #Bigo #Bigo Live #BigoLive #Blog #Blogger #Bloggers #Blogoferas #Blogueiro #BlogUpp #Brandão #Brasil #Brasileiro #Brazilian #Buscador #Café #Campo #Canção #Câncer #Cantora #CargaTributária #Carinho #Carla #Casal #Casamento #Casanova #Catástrofe #cavalo #Celebridades #Celular #Celulares #Chang #Chapecoense #Chicungunya #Chocolate #Ciberbullying #Cidadania #Cidadão #Cinéfilo #Cinema #Cleyton #Clima #Climatério #CmB #Cohen #comer #Comércio #Comida #como #Comportamento #Compositora #Compra #Compras #Comunicado #Conceito #Conceito #Amor #Confiança #Confissões #Construções #Conto #Contra #Convivência #Copa Sul Americana #Coragem #Corpo #Corrente #Costumes #Cozinha #Crescimento #Criança #Crianças #Crimes #Criminalidade #Crise #Crônica #Cuidados #Culinária #Cultura #Culturais #Cultural #Curiosidades #Cuscuz #Danger #Debora #Decepções #Decisões #Defesa #Definição #Dengue #Denúncia #Depressão #Desaparecido #Descrição #Desempenho #Deus #Dia #DiaDaMulher #DiaDosNamorados #Dicas #Direitos #Discriminação #Discurso #Dispositivos #distinção #Divagações #Doações #Doença #DomingosMontagner #Dor #Dores #Drauzio #Dúvida #E-book #Ecologia #Ecossistema #Educação #Educar #Emilly #Emma #Encontrar #ENEM #Enquete #Entrelinhas #Entrevista #Epidemia #Equilíbrio #Escolha #Escolhas #Escrita #Escritor #Especial #Espécie #Esperança #Estilo #Estréia #Estrutura #Estupro #Ética #Evangelho #Evento #Existência #Experiências #Extinção #Fabia #Fala #Falhas #Fama #Família #Famosos #Fashion #Fato #Fatos #Fé #Febre #Feijões #Felix #Fenômenos #Fênomenos #Figueiredo #Figurinista #Filho #Filhos #Filmes #Firewall #Flime #Food #Força #França #Franco #Freitas #Futebol #GACC #Generosidade #Giácomo #Globalização #Globo #Google #Gordas #Gordinha #Gospel #Graça #Gravidez #Grécia #Gripe #Guilherme #Hallelluja #Harry #Higienização #Hipócrates #Histórias #Hollywood #Homem #Homenagem #HomoSapiens #HongKong #Humanas #Humanidade #Humano #Humor #Hurricanes #Idade #Idosos #Igrejas #Igualdade #Impostos #Indícios #Indonésia #Infância #Infantil #Infidelidade #Influência #Informática #Informe #Injúria #Instagram #Interior #Internacional #Internet #IntolerânciaReligiosa #Investigação #Investigador #Ito #Jackie #JackieChang #James #Julho #Jventude #Kurnia #Laura #LauraAguiar #LavaJato #Legendários #Legião #Legislação #Leitora #Leitura #Lembranças #Lento #Leonard #Letícia #Letra #Liberdade #Limpeza #Linda #Literatura #Live #Livro #Lógica #Maduros #Mãe #Malhação #Mana #Mar #Marcas #Marcos #Martinez #Matérias #Matrimônio #Maturidade #Mecanismos #Medicina #Meditação #Medo #meio-ambiente #Melhores #Melhorias #Mendonça #Menino #Menopausa #Mensagem #Mensagens #Mente #Mentiras #Meteorologia #Milton #Mineira #Miriam #Moda #Model #Monetização #Moral #Morango #Moreno #Morte #Mudanças #Mudos #Mulher #Mulheres #mundo #Musa #Music #Musica #Música #Música #Pais #Nadja #Namorados #Namoro #Não #Nascimento #Natal #Natureza #Negativa #Negócios #Negros #NetLenta #Nickolly #Niver #Nordeste #Nordestino #Notoriedade #Novas #Novidades #Nutrição #Ocidente #Online #Operação #opinião #OqueÉ #Oratória #Orientações #Oriental #Oriente #Orla #Oscar #OutubroRosa #Paixão #Palavra #PapelSocial #Parada #Parceiros #Parcerias #Partidos #Partners #Partnerships #Pautas #Paz #Pena #PenaDeMorte #Penal #Pensamento #Pensamentos #Perdão #Perguntas #Perigo #Pernambuco #Pesquisa #Pesquisar #Planeta #PlusSize #Poder #Poema #Poesia #Poeta #Poetisa #Política #Políticos #PopStar #Potter #Praia #Pre-Venda #preço #Preconceito #Pregnancy #Prêmio #Presentes #Prevenção #Primitiva #Prisão #Problemas #Produtos #Programa #Projeto #Promoção #Prosa #Prova #Provas #Pública #Público #Qualidade #Queda #QuemFoi #Questionário #Raça #Racional #Racismo #Radio #Raízes #Razões #Real #Realidade #Reality #Receita #Recordações #Redação #Rede #Rede Globo #RedeMóvel #RedeRecord #Redes #RedeSocial #Reflexão #Relacionamento #Relações #Religião #Requisitos #Respeito #Responsabilidade #Respostas #Ricardo #Riquezas #Riscos #RJ #Roda #Romance #Roupas #RS #Rural #Saiba Mais #Samuel L Jackson #Sander #Santos #Saudades #saúde #Saudosismo #Seca #Segredinhos #Seguidores #Segurança #Selma #Ser #Sergipe #Seriados #Sertanejo #Sertão #Serviços #SétimaArte #Significado #Simpatia #Sintomas #Smartphone #Smartphones #sobre #Sociabilidade #Social #Socialização #Sociedade #Sofrimento #Solange #Sólida #Solidão #Solidariedade #Sólido #Sonhos #Storms #Streaming #SuBanda #Sugestões #SuperStar #Susllem Tonani #Suspeito #Tammy #Tatiane #Tempestade #Tempestades #Tempo #TerceiraIdade #Terra #Texto #Thaii #Thainá #TheBesrFriend #Theodoro #Tijolos #Tony #Top #Top10 #Top6 #Tornados #Tornar #Tradição #Tradições #Traição #Tristeza #Tristezas #Tróia #trojan #Trombetas #Trovões #Tsunami #Twister #União #Urbana #User #Uso #Usuário #Valentia #Valentine'sDay #valores #Varella #Velhice #Velho #VelhoChico #Velhos #VelhosTempos #Vencê-las #Vendas #Verão #Verdade #Versos #Vestuário #Vicentina #vida #Video #Vídeo #Violência #Virose #Virtual #Vírus #Visitantes #Viva #Viver #Viviane #Votação #Vulneráveis #Web #Youtubbers #Youtube #Zona a chave do meu peito nas mãos da saudade Aguiar Alerta amei uma mulher como se fosse um anjo Amor Ana Apresentador ardendo de paixão Arte Atriz Bigo Live Blogueiro Brazil's Poet Business Caráter chamas do amor Choro da Liberdade Cidade Computadores conto coração de pedra Cultura Cultural Debate Definição Delírio e gozo desejos de uma loba Devaneios DiaDasMães Dica Dinheiro Ele Emma Kurnia esporte este cara sou eu Feliz é quem ama fla flamengo Florzinha Fortaleza fuga das paixões Gotas de amor Indonésia Jakarta Julius Caesar Justiça Kids Laura Literatura Literature loba lua cúmplice Luz Mães Malhação Marcelo Martelo Melhor mengão Mineira morrendo de amor nação rubro-negra Nascimento Nina um anjo de sonhos O poeta e a feira de artes o poeta e a loba o que é ser grande o vento e as pessoas opinião Ostentação Petição Poder Poem poema lobo solitário ll poema Sonata da desolação poema ursinho de pelúcia Poemas Poesia poesia dor amiga Poesia Fel da solidão Poesia Flor encantada poesia o lobo e a loba poesia pequei contra ti poesia rosa minha Poesias Poet of Sergipe Poet Tony Casanova Poeta sergipano Tony Casanova Poeta Tony Casanova Poetry Porto Seguro Presente Profissão Projeto Qualidades Reconhecimento Record Revelação Rezende Riquezas Roda Roda Cultural saudade como ela é Ser imortal Ser mãe Sobre Sobrenatural sonhos de um bebê texto uma cartinha para minha mãe Tony Casanova Top Model Um brinde a nós dois Verses Versos